Xbox Series X vai ajudar aumentar produção de DRAM e SSD

Graças ao console da Microsoft

O final de 2020 é a data escolhida pela Microsoft para lançar o novo Xbox Series X, e todos estamos ansiosos para ver o que ele pode oferecer. Sete anos após o lançamento do Xbox One, chegará este novo console que, sem dúvida, marcará um antes e um depois na indústria de videogames.

Embora ainda não conheçamos muito das especificações finais do Xbox Series X – só conhecemos alguns detalhes interessantes, como seus 16 GB de RAM GDDR6 e um SSD Ultra Fast PCIe 4.0. Graças a uma análise do Trendforce – sabemos que a sua produção aumentará significativamente a demanda por esses elementos.

De acordo com essa análise, estima-se que 3 a 5% de todos os SSDs produzidos em 2020 serão usados para a produção dos novos consoles, que deverão se estabilizar em 2021 quando o nível de produção for nivelado com a demanda por esses novos dispositivos.

Além disso, a AMD estima que a demanda por produção de componentes Flash e DRAM aumentará consideravelmente, mas também é esperado que a NVIDIA exija mais produção das fábricas antes da chegada das placas de arquitetura Ampere, que chegarão em 2020.

As empresas e corporações asiáticas de componentes e memórias estão atualmente desenvolvendo planos para lidar com esse aumento na produção e, assim, atender à demanda. Conforme comentam no relatório, aumentam gradualmente o tamanho dos modelos e compram uma quantidade maior de matérias-primas, o que indica claramente a importância do aumento da produção.

Tudo indica que o início da produção do Xbox Series X começará em algum momento do verão, entre julho e setembro; portanto, estamos cada vez mais perto de desfrutar dessas novas máquinas.

💚 Acompanhe-nos nas redes sociais seguindo no Instagram e Twitter