Siga-nos:

Wargaming demite seu diretor criativo por apoiar à invasão da Ucrânia

A desenvolvedora por trás do World of Tanks, Wargaming, acaba de demitir o diretor criativo Sergey Burkatovskiy por seu apoio aberto à Rússia em sua recente invasão da Ucrânia. Burkatovskiy fez várias declarações nas mídias sociais em defesa da ação militar em andamento.

“Apoio as operações das forças armadas da Federação Russa, da República Popular de Donetsk e da República Popular de Luhansk”, disse Burkatovskiy no Facebook com a Wargaming.”

“Burkatovskiy expressou sua opinião pessoal nas mídias sociais que categoricamente não reflete a posição da empresa”, disse a Wargaming em um comunicado.
“Ele foi demitido e não está mais na empresa”.

A Wargaming foi fundada em Minsk, Bielorrússia. A empresa tem trabalhadores em vários países ao redor do mundo, incluindo a Ucrânia. A Wargaming está focada em “ajudar nossos mais de 550 colegas em Kiev e suas famílias”.

“A segurança de nossos funcionários é a principal prioridade. Atualmente, todos os recursos disponíveis da empresa estão ajudando e apoiando nossos mais de 550 colegas: fornecendo-lhes moradia alternativa, pagamentos antecipados de salários, fundos adicionais para ajudar em viagens e realocação”, anunciou a Wargaming.
“Estamos ajudando as famílias de nossos funcionários a viajar para países vizinhos e organizando acomodações para eles. E, por último, hoje, a Wargaming Kyiv está doando US$ 1 milhão para a Cruz Vermelha Ucraniana. Esses fundos serão usados ​​para apoiar hospitais e médicos ucranianos, aqueles cidadãos que foram deslocados e outras atividades vitais da organização humanitária, conforme necessário”.

Fonte:gamevicio