Siga-nos:

Processo de aquisição da ‘Zenimax Media’ pela Microsoft foi aprovado

Bethesda e sua rede de subsidiárias e IPs ingressam na Xbox Game Studios

Depois de termos visto hoje cedo um documento que atestava a aprovação nos EUA no casamento entre a Microsoft e Bethesda, agora temos a própria ZeniMax, que dá mais uma prova de que a gigantesca aquisição da dona do Xbox foi concluída com sucesso.

Conforme relatado nas páginas do portfólio da empresa, Providence Equity, o principal stake-holder da ZeniMax Media, agora descreve o investimento oficialmente “completado”. No domínio financeiro, a formulação em questão confirma que um acordo foi efetivamente bem-sucedido.

Os investimentos podem ser listados como ativos ou realizados; neste último caso, significa que a stakeholder obteve lucro ao vender a participação do investimento por mais dinheiro do que foi comprado.

Por outro lado, o investimento ativo implica que nenhum lucro ainda foi obtido pela stakeholder. Nesse caso, a Microsoft prometeu à Providence um retorno seis vezes maior do que seu gasto anterior com a aquisição da ZeniMax Media em 2010.

A fusão ainda não foi listada como aprovada pela Comissão Europeia, razão pela qual a Microsoft entrou com um novo lembrete junto a Securities and Exchange Commission, o órgão federal dos EUA que monitora o desempenho da bolsa de valores.

Essas notificações da Microsoft são apresentadas quando uma empresa ganha controle sobre outra, neste caso, temos a Microsoft assumindo o controle total do ZeniMax Media, e pedindo formalmente para que sejam listados em papel a conclusão da compra bilionária.

A operação, portanto, foi finalizada, com um desembolso de US$ 7,5 Bilhões da gigante de Halo, que acolhe os vários estúdios Bethesda e as franquias que fizeram a história da empresa, incluindo The Elder Scrolls, DOOM, Dishonored, Wolfenstein, Fallout, QUAKE, The Evil Within, e outros.

Fonte:everyeye

COMPARTILHAR