Siga-nos:

Microsoft realiza algumas mudanças corporativas na liderança do estúdio Mojang Studios

Subsidiária da Microsoft e Xbox Game Studios estrutura melhor seus chefões

Diferente das outras 22 subsidirias presentes na Equipe Xbox, a Mojang Studios é a única que tem o maior tamanho de escala, uma autonomia completamente independente, e é gerida no formato de uma Holding, contendo CEO, CFO, CTO, e demais outros cargos de alta escala.

Em 2014, ao serem adquiridos pela Microsoft por US$ 2,5 Bilhões e ter ingressado no Xbox Game Studios, o então CEO da Mojang, Carl Manneh, deixou a empresa, e em seu lugar, o Vice-presidente da empresa se tornou o novo CEO, que até hoje está no cargo, Jonas Mårtensson.

Ao longo desses anos, a Mojang mudou de nome e logotipo, se expandiu de 15 funcionários para os atuais 620 empregados, além de ter aberto várias subsidirias, contendo Mojang Redmond, Mojang Shanghai, Mojang Tokyo e Mojang London.

Hoje, algumas pequenas mudanças e promoções na empresa foram feitas, com a gerência se estruturando melhor para se adequar a nova fase do Team Xbox, que cresceu gradualmente devido a expansão de 8 estúdios vindos da ZeniMax Media.

Lydia Winters, até então Brand Director da Mojang Studios (Stockholm Studio) foi promovida para Diretora de Storytelling (CSO) total da empresa, lidando com todo o setor narrativo; Winters está na Mojang desde 2011, e continua sendo promovida devido sua excelência no ramo.

Magnus Nedfors, que se juntou em 2019 na Mojang Studios (Stockholm Studio) no papel de Diretor Criativo, agora também adquire o papel de Director of New Games Division; Nedfors veio da Avalanche Studios, e lá foi o diretor criativo de RAGE 2, Just Cause 2, 3 e 4, e Mad Max.

O então Director of New Games Division foi promovido devido a Nedfors ter adquirido esse cargo, portanto, Patrick Liu, agora é Head of Games (Redmond Studio); Olof Carlson Sandvik, que estava como CPO da Mojang Studios, deixou a empresa, e em seu lugar, assumiu Michael Weilbacher, que era Diretor Técnico & Engenharia.

Weilbacher, diferente de Sandvik, que era CPO no Stockholm Studio da Mojang, ficará como CPO na Mojang Redmond Studio. No entanto, os novos CPO e CSO continuarão reportando a Mårtensson, CEO de toda a Mojang Studios, em Stockholm, na Suécia.

Recentemente o estúdio lançou Minecraft Dungeons, produzido por uma equipe da Mojang Stockholm e co-produzido pela Mojang Shanghai, sendo um RPG em Dungeon-Crawler muito bem recebido. O título ganhará versões para Arcade/Fliperama ainda em 2021.

Fonte:gamevicio

COMPARTILHAR