Siga-nos:

Microsoft cria as contas nas redes sociais do Microsoft Gaming

No dia em que foi anunciado que a Activision Blizzard estava sendo adquirida pela Microsoft por US$ 68,7 bilhões um anúncio menor também foi feito, e era de que Phil Spencer, até então Head/CEO de Xbox, estava se tornando CEO da Microsoft Gaming.

Tal nome nunca foi muito citado no passado, mas agora será algo bastante conhecido por nós, uma vez que Microsoft Gaming é como a Sony Interactive Entertainment (SIE), não é exatamente a empresa principal (Microsoft Corp. ou Sony Group Corp.), mas sim uma divisão de enorme poder que age dentro de sua dona, reunindo todos os seus negócios dentro da indústria de videogames.

Isso foi especificado melhor agora que a Microsoft abriu uma conta oficial do Microsoft Gaming no Twitter, onde é deixado claro que a empresa basicamente é “o lar de tudo relacionado ao Xbox, Xbox Game Studios, ZeniMax Media e jogos para Windows”. A partir de 2023, a empresa também será a controladora da Activision Blizzard, incluindo os negócios separados da editora americana, como o Major League Gaming (torneio de jogos) e Activision Blizzard Studios (estúdio de cinema).

Phil Spencer permanece como Head de Xbox enquanto assume o papel de CEO da Microsoft Gaming, e além dele, lembramos que existem outros nomes sob o comando da divisão, como Jerret West (CMO), Tim Stuart (CFO) e Sarah Bond (EVP do Gaming Ecossystem).

Fonte:gamevicio