Microsoft anuncia o programa Xbox Academy para coletar desenvolvedores para seus estúdios

Playground Games ajudará nesta nova jornada

No passado, a Sony Interactive Entertainment fez um programa de capacitação de desenvolvedores em 2012, na qual gerou muitos frutos, e após ver muito dos resultados dos criadores, criou os estúdios Pixelopus e SIE Manchester Studio só para eles.

Hoje, a Microsoft Gaming and Entertainment anuncia um programa similar a este, que começará em Londres, no Reino Unido, através das Microsoft Store, chamado Xbox Academy.

O Xbox Academy consistirá em uma série de Workshops de desenvolvimento de jogos virtuais gratuitos projetados para aspirantes a criadores de jogos, e ajudar a moldar novos futuros desenvolvedores para a indústria e o Xbox Game Studios no geral.

O primeiro evento será conduzido pela faculdade East London Arts and Music (ELAM) e apresentará uma visão geral da abordagem de Forza Horizon e Fable do estúdio Playground Games ao design de jogos.

Ele irá apresentar aos alunos os fundamentos do design de jogos e incluir uma introdução ao motor Unity, com ELAM mostrando aos alunos como navegar em sua interface e desenvolver o design de nível 3D básico.

Os participantes se juntarão para usar seu próprio PC, tendo feito o download da última versão do Unity e do 3D Game Kit antes do workshop.

Há um número limitado de vagas disponíveis em quatro sessões de 90 minutos realizadas de 12 a 13 de setembro. Você pode registrar seu interesse aqui.

O diretor de jogos da ELAM, Curtis Le Blanc, disse:

“Muitos dos alunos da ELAM começaram sua educação no desenvolvimento de jogos e outras áreas com base na inspiração de líderes da indústria, assim como as pessoas da Playground, então sabemos que sessões como esta são inestimáveis ​​em garantindo as enormes oportunidades de crescimento e empregos no Reino Unido.”

O diretor de estúdio da Playground Games, Gavin Raeburn, acrescentou:

“Estou muito feliz que a Playground Games faça parte da Xbox Academy e que os membros da equipe Maria Lee e Ryan Greene possam compartilhar sua experiência e conhecimento com os criadores de jogos”.

Esperamos ver se os frutos desta nova iniciativa e capacitação de desenvolvedores ajudará a Microsoft a talvez, assim como a Sony, fundar um estúdio gerado por meio de uma nova cultura de desenvolvimento.