Siga-nos:

Governo Americano incentivou Xbox a continuar realizando aquisições de empresas de jogos

Em meio as notícias de que a FTC terá de adiantar sua conclusão a respeito da aquisição de US$ 68,7 bilhões da Activision Blizzard pela Microsoft, surge mais detalhes sobre o futuro da grande empresa americana na indústria de videogames, mais especificamente no campo de aquisições, campo que sua divisão Xbox vem investindo seriamente nos últimos anos.

O líder da maioria no Senado, Chuck Schumer, de Nova York, reuniu-se com o Presidente da Microsoft, Brad Smith, na semana passada, enquanto visitava o estado de Washington DC e discutiu a legislação antitruste bipartidária de tecnologia que Schumer deve apresentar para votação no final deste verão americano (até meados de Setembro).

Entre os múltiplos tópicos dicutidos, Schumer e Smith debateram sobre o Google, Facebook, Amazon e Apple, bem como o mercado de propagandas e de busca, algo que a Microsoft tem grande conhecimento e que já passou por críticas no espaço do antitruste durante os anos 2000.

Mas além de tudo isso, a aquisição pendente da Activision Blizzard pela Microsoft e todos os consequentes investimentos de novos empregos relacionados que podem ser criados na região do Capitólio de Nova York também foram discutidos durante a reunião. Schumer apoiou a compra de quase US$ 70 bilhões da editora e “empurrou” a Microsoft a continuar esse tipo de investimento na indústria de videogames, algo que ele já havia feito quando se encontrou com Smith em fevereiro deste ano.

Em entrevistas realizadas após o anúncio de compra da Activision Blizzard, Phil Spencer, CEO do Microsoft Gaming, e Satya Nadella, CEO da Microsoft, afirmaram que a empresa continuará seus esforços de expansão no mercado dos jogos, centrando a ideia de crescimento global do Game Pass, Xbox Cloud Gaming e o objetivo de alcançar 2 bilhões de jogadores.

Fonte:gamevicio