Siga-nos:

EA não está pronta para alterar o nome de FIFA 23

Apesar dos relatos sobre a insatisfação da EA Sports com a FIFA, uma licença cara que não traria muito para a série além das Copas do Mundo, o próximo capítulo deve continuar no caminho já traçado e ser regularmente chamado de FIFA 23.

É isso que surge de um novo relatório de Tom Henderson. Segundo as fontes do leaker e insider, a EA Sports ainda não estaria pronta para revolucionar sua série, portanto o novo capítulo que chega no final do ano se chamaria FIFA 23 e não seria free-to-play, como outros rumores vêm reivindicando há algum tempo.

Isso, no entanto, não significa que não haverá novidades substanciais. De acordo com Henderson, o FIFA 23 estaria destinado a se tornar o primeiro jogo da franquia a suportar cross-play, a fim de permitir que os jogadores de PlayStation, Xbox e PC desafiassem uns aos outros, quebrando as fronteiras cada vez mais tênues entre as plataformas.

Além disso, o insider também espera a Copa do Mundo (tanto masculina quanto feminina), uma ampliação das parcerias com as principais ligas internacionais (também neste caso para ambos os sexos) e uma evolução do Hypermotion Technology introduzido no FIFA 22 (o que permitirá que a EA Sports colete cem vezes mais dados em uma única temporada do que em toda a história da franquia).

A série, portanto, não deve mudar de nome, pelo menos não este ano. Em vez disso, será interessante acompanhar a evolução do assunto a partir de 2023, já que há vários meses a Electronic Arts registrou a marca EA Sports FC, sugerindo uma mudança de rumo apenas adiada.

Fonte:gamevicio