Digital Foundry compara Assassin’s Creed Valhalla no PS5 com o Xbox Series X

Jogo da Ubisoft tem framerate mais consistente no console da Sony.=

De acordo com uma nova análise da Digital Foundry, ambas as versões de próxima geração do jogo sofrem de screen tearing, muitas vezes durante as cutscenes, mas às vezes durante o gameplay também, embora a versão de Xbox Series X seja muito mais afetada.

A versão PS5 também tem uma taxa de quadros mais consistente em comparação com o Xbox Series X, disse a publicação.

A principal conclusão é que o PlayStation 5 está muito mais próximo da meta de 60fps na maior parte do tempo, enquanto o Xbox Series X pode ter dificuldades. Na verdade, na pior das hipóteses, notamos que o PS5 oferece uma vantagem de desempenho de 15% sobre o console da da Microsoft em cenários idênticos.

Eu descreveria a versão de PS5 como sendo uma experiência praticamente estável de 60 fps com pequenas quedas ocasionais – o tipo de coisa que você esperaria em consoles. O Series X definitivamente precisa de alguns ajustes, porque se você estiver jogando em uma tela normal, o screen tearing é um grande distração.

Monitores que suportam a taxa de atualização variável (VRR) resolvem o problema de screen tearing.

Mas o problema é que obviamente você não pode esperar que as pessoas invistam em um novo display apenas para resolver problemas como este. Isso ainda é trabalho do desenvolvedor. O trabalho precisa ser feito porque a grande maioria das pessoas vai jogar sem VRR e sofrer muito tearing.

A diferença de desempenho entre as versões PS5 e Xbox Series X é talvez um tanto surpreendente, levando em conta que Assassin’s Creed Valhalla foi um dos jogos mais proeminentemente no marketing do console da Microsoft.