Digital Foundry acredita que a Sony adotou um design mais prático e barato para o PS5

Enquanto a Microsoft quis apostar em "reiventar a roda" com o Xbox Series X

Na semana passada, a Sony revelou os componentes internos do PlayStation 5, permitindo-nos dar uma olhada de perto na tecnologia que garantirá o novo salto de geração substancial.

Richard Ledbetter deu sua opinião sobre o design dos componentes e seus custos, comparando-os com os do concorrente direto, Xbox Series X. Comparado com o último, toda a configuração do PS5 em termos de processador e memória.

Especificamente, a placa-mãe do PlayStation 5 apresenta uma “configuração significativamente mais simples do que o equivalente do Xbox Series X.”

Ledbetter acredita que a filosofia da Sony ao projetar hardware de última geração é bastante clara: “tornar os custos mais gerenciáveis”.

Também houve um comentário sobre o sistema de resfriamento do PlayStation 5:

“A dissipação de calor está no que considero uma filosofia ao estilo Toyota, não reinvente a roda (como a Microsoft fez com o Xbox Series X), mas confie no que funciona.”

O PS5, na verdade, monta um dissipador de calor clássico, enquanto no Xbox Series X, a Microsoft implementou uma câmara de vapor totalmente avançada. O tamanho excessivo do PlayStation 5 também indicaria uma compactação pobre dos componentes pelos engenheiros.

Os Xbox Series X|S e PlayStation 5 serão lançados respectivamente em 10 de Novembro de 2020 e 19 de Novembro de 2020.

Fonte:everyeye