Código-fonte do Primeiro Xbox e Windows NT 3.5 é vazado na internet

Microsoft investiga vazamento de código-fonte do Windows NT 3.5 e do sistema operacional para o primeiro Xbox.

O código-fonte do sistema operacional para o primeiro Xbox foi vazado na internet durante a última semana, assim como o código de uma versão pré-lançamento do Windows NT 3.5. Ambos vêm circulando em fóruns e apareceram em sites de compartilhamento de arquivos como o Mega; a Microsoft diz que está investigando o caso.

O Tecnoblog verificou que os dois arquivos vazados ainda se encontram disponíveis na internet. O código do Xbox tem 1,22 GB e corresponde a uma versão simplificada do Windows 2000 para o console de 2001. “Estamos cientes desses relatos e estamos investigando”, afirma a Microsoft em comunicado ao The Verge.

Os arquivos incluem ambientes de compilação, o Xbox Development Kit, emuladores de testes e documentos internos. Como o kernel e código-fonte já vinham sendo repassados entre entusiastas, provavelmente o vazamento não vão ajudar a rodar ou emular mais jogos do Xbox original no PC.

Enquanto isso, o Windows NT 3.5 envolve um download de 109,68 MB; trata-se da versão RC 2 (Release Candidate), build 782, bem próxima ao que foi lançado ao público em 1994.

Isso pode ser útil para quem deseja conhecer mais sobre o funcionamento do Windows, e não deve representar um problema de segurança, já que poucos PCs utilizam esse sistema — cujo suporte acabou em 2001.

Clique para ver a imagem em tamanho original

Microsoft, Apple e Nvidia tiveram código-fonte vazado

A Microsoft já passou por outros vazamentos de código-fonte no passado. Em 2017, arquivos confidenciais circularam na internet com compilações do Windows 10 e versões do sistema para processadores ARM.

E, em 2004, algo semelhante ocorreu com o Windows 2000 e NT 4. Na época, a empresa disse em comunicado que estava colaborando com o FBI para descobrir os responsáveis, e enviou cartas explicando a quem fez o download do código-fonte que isso viola a lei.

Claro, outras companhias também tiveram esse tipo de problema. A Apple confirmou em 2018 que partes do código-fonte do iBoot, responsável por fazer boot do iOS, haviam vazado. E agora em 2020, o código de GPUs da AMD foi roubado e vazado no GitHub, incluindo informações sobre o chip gráfico que estará no Xbox Series X.

Fonte:tecnoblog